BO




USE TWITTER-@webjump21-@GLOBENEWSWEB-@DAILYTIMES21-@NEWSBOOK21-@BRASILNEWS21- CALENDAR 2016-CALENDARIO 2016-GLOBE NEWS-GLOBE NEWS-GLOBE NEWS USE TWITTER @GLOBENEWSWEB UŻYWAJ na twojej komórce-تستخدم على الجوال-Die Verwendung auf Ihrem MOBILE-あなたの携帯電話で利用-USE ON YOUR MOBILE-使用您MOBILE-USAR en tu móvil-UTILISER sur votre mobile-Использовать на вашем MOBILE-USE IN-FACEBOOK-News Paper Globe News.NEWSWEEK NEWS-BULGARIAN NEWS-COLOMBIA REPORTS-HAWAII NEWS NOW-THE LOCAL GERMANY-GAZETA POLSKA- KYIVPOST- NEWS JAPAN TODAY NEWS-CBS NEWS- G1 GLOBO-BRASIL NEWS-THE WALL STREET JOURNAL-LE MONDE-FRANCE -TORONTO SUN-THE HINDU-ARAB NEWS-ALJAZEERA-GULFNEWS-VIETNAM NEWS- JAKARTA POST-MOSCOW NEWS-CORRIERE DELLA SERA -NORWAY NEWS-TURKEY NEWS-UKRAINE NEWS-JAKARTA POST-JAPAN TIMES-AL ARABIYA NEWS-DAILY RECORD-KUALA LUMPUR POST-MALAYSIA-MADAGASCAR TRIBUNE-MOROCCO WORLD NEWS ABS -CBN-NEWS-PHILLIPINES NEWS-THE IRISH TIMES-IRELAND NEWS-THE NEWS YORK TIMES-CAMBODIA POST-ALASKA NEWS-SOUTH AFRICA-WELLINGTON NEWS TIMES-ADELAIDE NEWS-THE ADVERTISER-WELLIGTON NEWS-BEIJING NEWS CHINA-MASHABLE-BANGKOK POST-TAILAND NEWS->

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

NASA WEB ·Cientistas estão procurando por vida num exoplaneta muito próximo de nós

Cientistas estão procurando por vida num exoplaneta muito próximo de nós

© Reprodução

Com todo esse papo de colônias humanas em Marte, por que não sonhar um pouco mais alto? O Dr. Stephen Kane e seu time de pesquisadores da Universidade Estadual de São Francisco na Califórnia estão de olho num lugar a 14 anos-luz de distância do nosso sistema solar que pode ter condições para abrigar vida.

• Quer encontrar aliens? Procure por planetas que se tornaram estrelas
• A forma surpreendentemente óbvia que podemos caçar vida alienígena

O Wolf 1061, um sistema solar não muito longe do nosso, tem um interessante planeta chamado Wolf 1061c. Cientistas já sabiam da existência do exoplaneta desde 2015 e agora Kane e sua equipe descobriram que ele está dentro de uma zona habitável – região no sistema solar em que as condições atmosféricas poderiam abrigar água líquida. 

Apesar disso, Kane afirma que se há qualquer vida no planeta, deve estar vivendo sob condições hostis – similar às condições de Vênus – pois o Wolf 1061c está bem no limite da zona habitável, relativamente perto de sua estrela.

"O sistema Wolf 1061 é importante porque ele está tão perto da gente e isso nos dá outras oportunidades de fazer estudos complementares para ver se realmente há vida", disse Kane à Sci News. As descobertas de sua equipe serão publicadas na próxima edição do periódicoAstrophysical Journal, mas uma versão digital já está disponível aqui.
A análise da atmosfera de Wolf 1061c pode servir como um importante estudo de caso para cientistas que estão procurando determinar quais exoplanetas podem abrigar vida. Mas enquanto pessoas como Kane estão analisando se exoplanetas são ou não habitáveis, outros grupos, como o pessoal do Messaging Extraterrestrial Intelligence (METI) estão procurando por sinais de vidas extraterrestres mais avançadas. Doug Vakoch, presidente do METI, disse ao Gizmodo que a sua equipe observou o Wolf 1061c do observatório ótico SETI no Panamá em quatro ocasiões diferentes. E até agora, não tiveram sorte.

"Não estou muito confiante que iremos encontrar evidências de vida em Wolf 1061c, mas o fato é que a existência de um planeta parecido com a Terra na zona habitável de uma estrela que está muito perto do nosso sistema solar é um bom presságio para continuarmos nossa busca por vida em outros planetas", disse Vakoch.

"Tentaremos de novo no mês que vem, quando ele estará visível, usando um sistema de detecção mais avançado desenvolvido por Ben Schuetz, diretor do observatório ótico SETI no Panamá", completou.

O METI vai continuar sua procura por vida fora do nosso sistema solar, independentemente das descobertas feitas em Wolf 1061c. Mas essa última pesquisa de Kane e sua equipe torna o planeta muito mais interessante para estudos aprofundados.




"Se nós transmitirmos um sinal de rádio para esse exoplaneta hoje, iríamos receber uma resposta dos aliens no mínimo em 2045 – um mero piscar de olhos na escala temporal astronômica", disse Vakoch.